Meu Negócio

Quais brincadeiras com água não podem faltar na festa na piscina?

Guadaim
Escrito por Guadaim

As brincadeiras com água são uma verdadeira sensação em festas na piscina. De fato, o público infantil costuma se divertir bastante em comemorações ao ar livre pela possibilidade de sair do comum na hora de criar jogos. Com essa chance nas mãos, o responsável pela organização deve promover uma experiência diferenciada. 

O segredo do sucesso, nesse caso, está em explorar o universo lúdico como um atrativo a mais, porém, sem descuidar da segurança. Esse ponto faz toda a diferença na visão tanto dos pais quanto das crianças que se sentem mais confortáveis em brinquedos de qualidade. 

Quer saber mais? Vamos mostrar quais brincadeiras com água não podem faltar na piscina. Acompanhe a leitura e confira quais são elas.

Futebol de sabão

Esse tipo de brincadeira já se tornou um verdadeiro clássico das festas infantis na piscina. Afinal de contas, os brinquedos infláveis fazem muita diferença na experiência dos convidados e tornam tudo divertido sem deixar de lado a segurança.

O formato permite que as crianças joguem futebol em um campo muito semelhante ao pula-pula, mas com traves, redes e divisões de montagem de times. Dessa maneira, todos podem se divertir juntos!

O grande diferencial está em garantir que a instalação seja feita em um local com espaço suficiente para que os pequenos possam se lavar após o término do jogo. Sem contar que também se torna indispensável garantir um antiderrapante no piso. 

Escorrega no sabão

escorrega no sabão tem a mesma proposta do futebol no campo inflável, no entanto, as crianças não formam times e apenas deslizam pelo escorrega do brinquedo.

O mais indicado é usar o tobogã de acordo com a faixa etária das crianças presentes na festa. Em função disso, fica mais simples controlar a entrada com monitores ou aconselhar os pais a participarem do momento de diversão. 

Passa a bola

Essa brincadeira costuma ser animação garantida, já que precisa de um grupo grande de crianças para acontecer. Então, aproveite a festa na piscina e promova uma competição entre times dentro da água. Cada equipe deve formar uma fila na hora de segurar sua própria bola.

A partir disso, o primeiro jogador do time passa a bola para o de trás por debaixo das pernas. O jogador seguinte repete o movimento, mas por cima da cabeça e assim por diante. Já o último de cada fila precisa nadar até o primeiro do time com a bola. Vence quem terminar toda a sequência de maneira mais rápida.

Caça ao tesouro

O primeiro passo, aqui, é reunir diversos objetos que possam afundar na piscina. No entanto, o organizador da festa deve priorizar brinquedos seguros que não comprometam a integridade das crianças durante a diversão.

Outra questão importante está em se certificar que exista algum especialista em salva-vidas para oferecer socorro caso qualquer acidente aconteça. A brincadeira não é arriscada, mas os participantes precisam mergulhar no fundo da piscina para recolher os objetos e colocá-los em um balde fora da água. 

Ao final da contagem do tempo, sempre realizada por um adulto, vence quem conseguir juntar mais tesouros.

Esponjas molhadas

A brincadeira pode ser realizada individualmente ou em grupo para fazer com que todos se sintam inseridos na festa. Para que a diversão aconteça, é preciso de dois baldes e esponjas. A criança deve nadar do início da piscina até a parte final com a esponja na mão.

Quando chegar ao destino, torce toda a água dentro do balde. Esse percurso precisa ser repetido inúmeras vezes até que o balde fique cheio. O grande diferencial para estimular ainda mais a energia dos pequenos está em colocar uma fita adesiva no balde delimitando a quantidade de água que deve ser colocada. Assim, a competição pode ganhar até a torcida dos pais.

Passa túnel 

Uma festa na piscina sem passa túnel, certamente, vai deixar muitos convidados frustrados. Isso porque a brincadeira funciona como uma espécie de pega pega aquático que faz muito sucesso entre os pequenos de diferentes idades. Para que seja ainda mais animada, torna-se necessário um grupo grande de participantes. 

Na prática, uma criança é escolhida como caçador e quem for tocado por ela deve se manter imóvel com as pernas afastadas. Para que possa voltar a participar. Um dos outros jogadores deve passar por debaixo de suas pernas sem ser pego pelo caçador.

Caso as equipes sejam rápidas, o jogo pode ficar muito extenso. Por este motivo, os organizadores precisam estipular algumas regras para deixar todo o processo mais dinâmico. Uma boa sugestão é estipular tempo entre as trocas de caçadores com a intenção de favorecer os participantes menos habilidosos no mergulho. 

Choca ovo

O choca ovo costuma ser um diferencial na programação da festa infantil, já que poucas crianças conhecem a brincadeira. Todo o procedimento consiste em colocar uma série de balões cheios em apenas um lado da piscina. Os participantes ficam na parte oposta e começam a nadar assim que o juiz autorizar com um apito. 

O desafio envolve afundar todos os balões embaixo do corpo enquanto tenta manter o equilíbrio. Ganha quem conseguir reunir a maior quantidade de balões. Vale lembrar que os itens decorativos da festa podem ser usados para tornar o clima ainda mais animado. Essa brincadeira costuma ser uma das preferidas dos pequenos e ainda estimula a coordenação motora na água. 

Vôlei na água

A versão aquática do esporte se mostra presença obrigatória em uma festa na piscina. O motivo é que o formato, por ser muito simples, se torna bastante versátil e abre espaço para todas as idades, até mesmo os adultos. 

A estrutura costuma ser muito simples: depende apenas de uma piscina, uma bola e uma rede bem instalada. Tudo deve ser como em uma partida de vôlei normal, porém, a bola não pode cair na água. Quando isso acontece, um ponto será contabilizado para a equipe adversária. 

Agora você já conhece as brincadeiras com água que não podem faltar em uma festa na piscina. O mais importante na hora de oferecer uma festa inesquecível está na preocupação com a segurança, que deve ser o ponto alto da organização. Só assim será possível conquistar a confiança tanto dos pais quanto das crianças diante de um serviço excelente. 

Gostou do texto e quer mostrá-lo para outras pessoas? Então compartilhe agora mesmo em suas redes sociais para que seus amigos também descubram essas brincadeiras.

 

Sobre o autor

Guadaim

Guadaim

Desde 2006, a Guadaim incentiva quem quer ser dono do próprio negócio e ver sua empresa crescer. Nosso blog traz conteúdos para você seguir o melhor caminho e se tornar um empreendedor de sucesso!

Share This